1 de outubro Dia Internacional do Idoso Nações Unidas

Publicado por: Secretaria Geral da OISS
12% da população mundial tem mais de 60 anos, até o ano 2050 esse número terá aumentado para 21%

O fenômeno do envelhecimento da população mundial continua a aumentar, segundo informações apresentadas pela HelpAge International, atualmente, existem 868 milhões de pessoas com mais de 60 anos (aproximadamente 12% da população mundial); espera-se que este número aumente para dois bilhões de pessoas no ano 2050 (aproximadamente crescerá até 21%).

Atualmente, o processo de envelhecimento nos países ibero-americanos é muito desigual, pois estão em diferentes estágios da chamada "transição demográfica". Este processo é influenciado principalmente pelos níveis de fertilidade e mortalidade, de modo que o período pré-transição é caracterizado por altas taxas de nascimento e morte, enquanto que com o início da transição demográfica, os níveis de mortalidade diminuem, aumentando a expectativa de vida da população e, por outro lado, a taxa de natalidade diminui.

Segundo estimativas e previsões do Centro de Demografia da América Latina e do Caribe (CELADE) - Divisão de População da CEPAL, todos os países da região estão imersos no processo de envelhecimento, com marcantes diferenças. De um lado Cuba, que está em estágio muito avançado, contra o Uruguai, o Chile e a Argentina, um pouco menos, o Brasil e o México que estão em estágio avançado, e o Equador e o Paraguai, que ainda estão em plena fase.

O aumento da expectativa de vida é encorajador, ao mesmo tempo em que alerta para a urgência de abordar, por parte dos responsáveis pelas políticas sociais, medidas para atender às necessidades da população, cada vez mais envelhecendo, para que a população do A senescência pode desfrutar de um envelhecimento ativo, saudável e digno.

De acordo com o Global Aging Index 2014, lançado pela HelpAge International, que classifica 96 países de acordo com o bem-estar social e econômico dos idosos. Ele mostra que países como a Espanha estão em 21º lugar no índice, enquanto outros estão em posições diferentes: Reino Unido (11), França (16), Alemanha (5), Portugal (37), Itália (39) ou Bélgica (27). Enquanto isso, a Noruega lidera o índice em número (1), Suécia (2), Suíça (3), Alemanha (5), EUA (8), Japão (9).

No caso de outros países ibero-americanos, a localização é semelhante à da Espanha, no caso do Chile (22), Uruguai (23), Panamá (24), Costa Rica (26), México (30) e Argentina (31). ). Por seu turno, o Equador está localizado (33); no meio: Peru (42), Bolívia (51), Colômbia (52), Nicarágua (54), El Salvador (57), Brasil (58). Depois: República Dominicana (62), Guatemala (63), Paraguai (66), Honduras (75), Venezuela (76).

A fim de fortalecer a proteção social na região e particularmente nos grupos mais vulneráveis, a Organização Ibero-americana de Seguridade Social realiza o "Programa de Cooperação Ibero-Americana sobre a Situação dos Idosos na Região", um programa de cooperação intergovernamental aprovado pelo XXI Cúpula Ibero-Americana de Chefes de Estado e de Governo realizada em Assunção (Paraguai) em 2011 e cuja unidade técnica é mantida pela OISS, à qual aderiram oito países: Argentina, Brasil, Chile, Equador, Espanha, México, Paraguai e Uruguai.

No desenvolvimento do mesmo, a OISS vem realizando diferentes ações, tais como: O Observatório de Idosos, que já publicou o segundo relatório; uma rede ibero-americana de organizações e instituições especializadas para idosos foi articulada. Ele ministrou vários cursos sobre envelhecimento ativo e participação de idosos;
treinamento a distância sobre Adaptação de trabalhos para idosos, entre outros. Da mesma forma, realiza estudos sobre a proteção legal de adultos idosos, troca de experiências entre países, etc.

No entanto, espera-se a extensão da proteção social do Idoso, trabalhando em conjunto com diferentes atores da sociedade civil e dos governos para melhorar sua condição de vida.

Nessa linha, está programado o Curso "Melhorando as condições de vida dos idosos da região", que será realizado nos dias 10 e 14 de novembro de 2014 no Centro de Treinamento da Cooperação Espanhola de Antígua, Guatemala

O objetivo deste treinamento é transferir para os participantes uma visão das necessidades e demandas dos idosos da América Latina, bem como as principais políticas públicas voltadas a responder a elas, promovendo, da mesma forma, a reflexão dos participantes sobre o tema. da necessidade de aprofundar o conhecimento das condições de vida dos idosos na Ibero-América. Destina-se ao corpo gerencial e técnico de instituições, principalmente públicas, que atuam no campo das políticas públicas voltadas para idosos.

En documento adjunto «el indice global de envejecimiento».

Recentes


El día 28 de julio de 2021, se realizó la ceremonia de Toma del Mando Supremo del Presidente de la República del Perú, Excmo. Señor Pedro Castillo. El Director del Centro Regional de la OISS para Colombia y el Área Andina, Doctor Gustavo Riveros Aponte, hizo parte del grupo de Jefes y Miembros de Misiones […]


Convocatoria. VIII Curso: Introducción a la equidad de género en Seguridad Social.

Curso desarrollado por la Organización Iberoamericana de Seguridad Social – OISS. FECHA DE INSCRIPCIÓN: Periodo de inscripción del 01 de agosto al 5 de septiembre de 2021. DURACIÓN DEL CURSO: Curso a distancia, del 27 de septiembre al 24 de octubre de 2021. (4 semanas) COSTO DE MATRICULACIÓN: Curso gratuito, sin ningún costo.


Convocatoria. IX Curso: Formación superior en Dirección y Gestión de Servicios Sociales para Personas Mayores, en situación de Dependencia y Personas con Discapacidad.

Curso desarrollado por la Organización Iberoamericana de Seguridad Social – OISS. FECHA DE INSCRIPCIÓN: Periodo de inscripción del 01 de agosto al 31 de agosto de 2021. DURACIÓN DEL CURSO: Curso a distancia, del 20 de septiembre de 2021 al 9 de enero de 2022. (14 semanas, más periodo vacacional) COSTO DE MATRICULACIÓN Precio del […]


Convocatoria. VIII Curso: Liderazgo en equidad de género en seguridad y protección social

Curso desarrollado por la Organización Iberoamericana de Seguridad Social – OISS. FECHA DE INSCRIPCIÓN: Periodo de inscripción del 01 de agosto al 31 de agosto de 2021. DURACIÓN DEL CURSO: Curso a distancia, del 20 de septiembre al 12 de diciembre (12 semanas) 2021. COSTO DE MATRICULACIÓN Precio del curso: 300 € (no contempla ningún […]


Situación del COVID-19 en América Latina (Hasta el 25 de julio 2021)

25 de julio de 2021, Madrid, España.


Convocatoria para la elaboración del Estudio sobre ‘Seguridad Social de las Personas Migrantes en Iberoamérica’

OBJETIVO DE ESTUDIO El informe busca recoger y analizar datos relativos al acceso de las personas migrantes a los sistemas de seguridad social en los 22 países iberoamericanos con el fin de identificar retos pendientes y buenas prácticas desarrolladas. PRESENTACIÓN DE PROPUESTAS: Las propuestas de trabajo y presupuestos se remitirán a la Secretaría General de […]


Situación del COVID-19 en América Latina (Hasta el 18 de julio 2021)

19 de julio de 2021, Madrid, España.


Cooperación, pensiones, fondo indígena: hitos de las Cumbres Iberoamericanas.

21 de julio de 2021 – SWI swissinfo.ch sección internacional de la Sociedad Suiza de Radiotelevisión.