Quantcast

HONDURAS

2% para o empregador, 1% para o trabalhador afiliado e 0,5% para o Estado aplicado sobre uma remuneração máxima de L. 4.800,00.

Continuar lendo

NICARÁGUA

O Seguro de Velhice, Incapacidade e Morte opera com uma contribuição de 13,255% sobre os salários cotados, dos quais o empregador corresponde a 9% e 4,25% ao trabalhador. O salário objeto da contribuição não excederá o valor de R $ 37.580,00 por mês.

Continuar lendo

PANAMÁ

(2) A população não segurada é responsável pelo Ministério da Saúde e o seu financiamento é assegurado pelo Orçamento do Estado. Para a população segurada no CSS, a contribuição para os regimes de IVM. Doença e Maternidade, varia de acordo com a escala (ver Nota 1).

Continuar lendo

PERU

- O Sistema Nacional de Pensões, a contribuição é equivalente a 13% da remuneração do trabalhador. No Sistema de Previdência Privada, a contribuição é de 8% da remuneração, mais um percentual da comissão fixada por cada AFP.

Continuar lendo

PORTUGAL

Empregados: As contribuições para o regime geral dos trabalhadores por conta de outrem são calculadas tendo em conta a taxa global de 34,25% do salário que, em geral, inclui as várias formas de remuneração do trabalho, correspondendo 11% aos trabalhadores e 23,25% às empresas [...]

Continuar lendo

ARGENTINA

I) Os funcionários contribuem com 11% de seus salários, sujeitos ao limite mensal equivalente a 60 vezes o valor do MOPRE. Os afiliados ao Regime de Capitalização contribuem com 7% de suas remunerações sujeitas ao referido teto de mensalidade. II) Empregadores contribuem com 10,7% da remuneração, sujeita ao mesmo teto, [...]

Continuar lendo

URUGUAI

(3)  Trabajador: 15%.  Empresario: 12,5%  Tope: varía de acuerdo a 3 niveles. Ver Cuadro IV – «VEJEZ».

Continuar lendo

BOLÍVIA

- Novo Regime Previdenciário: 10% pelos trabalhadores. Regime de distribuição: 100% das aposentadorias mensais, pelo Estado.

Continuar lendo

VENEZUELA

No IVSS, as contribuições são calculadas de acordo com o risco, de acordo com os seguintes percentuais: Mínimo: 5,75%; 4,33% pelo empregador e 1,77% pelo trabalhador. Meio: 6,75%; 4,82% pelo empregador e 1,93% pelo trabalhador. Máximo: 7,75%; 5,68% pelo empregador e 2,07% pelo trabalhador. Em [...]

Continuar lendo

BRASIL

Os elementos que compõem o financiamento da Previdência Social são os seguintes: Trabalhadores, inclusive domésticos e “avulso”, contribuem com o salário sujeito à contribuição recebida no mês, sendo a contribuição (desde junho de 2000) de 8% para salários até R $ 151,00 até 398,49; 9% para salários entre R $ 398,49 [...]

Continuar lendo

EQUADOR

Contribuição Pessoal: De 5% da matéria tributável dos empregados e trabalhadores, para o Seguro Geral de Invalidez, Velhice e Morte de 7% da matéria tributável dos servidores públicos, trabalhadores municipais, de entidades bancárias e entidades públicas descentralizadas, por Seguro Geral de Incapacidade, Velhice e Morte; De 8,5% do assunto [...]

Continuar lendo

Organização Ibero-americana de Seguridade Social. Todos os direitos reservados.

HOME BLOG AVISO LEGAL

Desenvolvido por Tecnologias Tible.