PORTUGAL

Livre escolha de médico entre clínicos gerais ou especialistas de centros de saúde ou de médicos organizados.

Continuar lendo

ARGENTINA

Parcial Dependendo dos aderentes aos projetos de bem-estar em que o trabalhador é afiliado. Veja também: (3)

Continuar lendo

BOLÍVIA

A aplicação do sistema de Medicina de Família com atribuição fixa de pacientes a médicos dos centros localizados na área de residência do segurado e sua família, impedem a livre escolha do médico no primeiro nível de atenção.

Continuar lendo

URUGUAI

- No Seguro Social de Doença, o IAMC (Instituição de Assistência Médica Coletiva, de caráter privado) de filiação é de livre eleição do beneficiário. No programa materno-infantil, o pessoal médico é designado de acordo com os requisitos do serviço.

Continuar lendo

BRASIL

- Público A escolha é gratuita, dentro da unidade assistencial, regida pelo princípio da hierarquia de serviços. Não há obrigação de pagar pelos serviços do usuário. Particular (concertada com o SUS). A eleição está livre dos serviços organizados com o SUS. Não há pagamento pelo usuário [...]

Continuar lendo

CHILE

Em ambos os sistemas, exceto no sistema estadual na modalidade de assistência institucional. É necessário levar em conta que existem 3 tipos de cuidados médicos no sistema: institucional, livre escolha e ISAPRE (1).

Continuar lendo

Organização Ibero-americana de Seguridade Social. Todos os direitos reservados.

HOME BLOG AVISO LEGAL

Desenvolvido por Tecnologias Tible.